Após críticas de André Ventura a Marisa Matias, vários famosos juntam-se ao movimento “Vermelho a Belém”

Durante o comício em Portalegre, André Ventura criticou os “lábios muito vermelhos” de Marisa Matias, levando a que muitas figuras públicas se insurgissem a favor do que é, agora, o movimento “Vermelho a Belém”.

O líder do Chega criticou os candidatos presidenciais, entre eles, a candidata Marisa Matias, durante o comício, dizendo que esta estava a ter “uma performance muito abaixo do que seria expectável, com ar de que todos lhe devem dinheiro e ninguém lhe pagou”. André Ventura chegou mesmo a dizer que a bloquista, com “os lábios muito vermelhos”, “não está muito bem em termos de imagem, de performance” e que pinta os lábios “como se fosse uma coisa de brincar”.

As declarações do líder do “Chega” levaram Marisa Matias a criar a hashtag Vermelho a Belém, na legenda de uma imagem, na qual surge de lábios pintados. A ação da candidata tornou-se viral e muitos são os que já saíram em defesa de Marisa Matias. Além de figuras políticas, como Ana Gomes e Mariana Mortágua, também se insurgiram figuras públicas, como Rita Ferro Rodrigues, Pedro Crispim, Jessica Athayde, Gisela João, Inês Herédia, entre outras.

Rita Ferro Rodrigues chegou mesmo a escrever: “Contra o ódio, contra o insulto gratuito, a provocação. Contra a baixa política que se alimenta de casos, que procura desesperadamente incidentes para se vitimizar. Por todas/os candidatos/as à esquerda e à direita que lutam por aquilo em que acreditam com elevação, respeito pela democracia e pela Constituição. E há muitas e muitos. Dia 24 – mesmo debaixo da máscara – vai o meu batom vermelho preferido. E, na mão, a caneta, para votar. Votar não constitui qualquer risco – já não votar pode constituir, neste momento, um risco enorme para cada um e uma de nós.”

Outro exemplo foi o de Inês Herédia, que escreveu: “Para a direita, para a esquerda ou para a frente. Mas nunca para trás. Pela democracia e pela constituição. Pela alegria, o combate ao ódio faz-se de batom vermelho, sorriso na cara e com o coração cheio de amor.”